A hérnia de hiato é um diagnóstico muito comum em laudos de endoscopias, principalmente em casos de pacientes com refluxo.

Ela ocorre devido ao alargamento anormal do orifício por onde passa o esôfago, entre o tórax e o abdômen, podendo levar a uma projeção do estômago em direção à caixa torácica. Esse orifício é chamado de hiato diafragmático e hérnia é justamente a protrusão de um órgão através de um orifício natural ou adquirido – daí o nome hérnia de hiato.

A seguir, vamos explicar mais com mais detalhes o que é e quais são os sintomas dessa condição. Entenda!

O que é hérnia de hiato?

Para entender melhor o que é hérnia de hiato, é preciso compreender antes a estrutura anatômica do nosso corpo.

O esôfago é o responsável por conduzir o alimento deglutido até o estômago. É um órgão de formato tubular, constituído de duas camadas musculares que começa no pescoço, atravessa o tórax e vai até o abdômen. O tórax é separado do abdome por um músculo chamado diafragma.

Para que o esôfago consiga passar do tórax ao abdômen, existe um orifício no diafragma: o hiato diafragmático.

A hérnia, por sua vez, é uma alargamento anormal de um orifício já existente , que permite a passagem indevida de determinadas estruturas.

Sendo assim, na hérnia de hiato ocorre um afrouxamento da musculatura (diafragma) entre o tórax e o abdômen, ou um alargamento do orifício (hiato) por onde o esôfago passa.

Com isso, quando o paciente inspira, o estômago pode ser deslocado para a caixa torácica se o orifício do diafragma estiver muito grande.

Portanto, a hérnia do hiato ocorre quando uma porção do estômago – um órgão que, em condições normais, deve se manter na região abdominal – desliza pelo hiato diafragmático, invadindo o tórax.

Quais são os sintomas?

Em condições saudáveis, o hiato diafragmático deve ser uma abertura justa, a fim de garantir que a comida e os sucos gástricos se mantenham dentro do estômago.

Quando essa abertura está laceada, ela favorece o retorno do alimento do estômago para o esôfago, ocasionando, assim, o chamado refluxo gastroesofágico.

Com isso, o paciente com hérnia de hiato pode apresentar os sintomas de refluxo, tais como:

  • azia;
  • regurgitação;
  • eructações;
  • sensação de “bola na garganta”
  • tosse; 
  • pigarro.

Muitas vezes, a hérnia de hiato causa um refluxo gastroesofágico de difícil controle. Por isso, torna-se necessário tratar a hérnia para que seja possível resolver o refluxo.

Nos casos em que o tratamento medicamentoso do refluxo  não apresenta resultados satisfatórios ou o paciente torna-se dependente crônico do uso de medicação para controle dos sintomas, a cirurgia de correção da hérnia de hiato pode ser indicada. Vale mencionar também que, quando a hérnia de hiato provoca o deslocamento de uma grande porção do estômago para o tórax, o paciente pode apresentar maiores complicações, como:

  • dificuldade de engolir alimentos;
  • dor no peito, que piora após alimentação;
  • anemia por sangramento do estômago deslocado.

Portanto, caso você note algum sintoma, é importante consultar um especialista para avaliar o caso e indicar o tratamento mais adequado.

Para mais informações sobre condições gastrointestinais, confira outros artigos na nossa Central Educativa!

Dra. Beatriz Azevedo

Autor Dra. Beatriz Azevedo

Mais posts por Dra. Beatriz Azevedo

Deixar uma Mensagem de Resposta

Abrir o chat
Podemos te ajudar?
Dra. Beatriz Azevedo
Olá, Podemos te ajudar?